03 março, 2006

Oportunidades de elevação

Na maioria dos casos, quando estamos em sofrimento, é nos dada a oportunidade de aprendermos com esse sofrimento, e melhorarmos a nossa conduta moral, no entanto, a maioria das pessoas que passam por essas etapas da vida, não compreendem, ou não querem compreender, as lições divinas que nos são dadas. Enquanto se encontram na dor, choram, vão ao fundo, ficam desprotegidas, amarguradas, etc e tal, e, apanhando-se sem esse sofrimento, esquecem depressa tudo, e nem querem ver as pessoas que ajudaram a sair dele, e muitas vezes, negam essas pessoas, e noutras ainda, fazem pior que é denegrir o bem que lhe fizeram.
As oportunidades de nos corrigirmos sao tantas, como o perdão que Jesus disse para darmos aos nossos inimigos, nao sete mas setenta vezes sete, mas, isso não implica, que por cada oportunidade que nos deem, a proxima, será sempre mais dura que a anterior, para que tenhamos olhos de ver e ouvidos de ouvir, e nos possamos corrigir desses defeitos que todos os que habitam este planeta ainda temos. Como dizia uma amiga minha, uma pessoa que se esteja a afogar, na altura do desespero se lhe disserem para beijar os pés do que o pode salvar, a pessoa beija, mas quando se encontra em terra firme, nem olha para tras, para ver quem o salvou.
Se um dia eu disse a alguém que tivesse calma que tudo iria correr bem, na altura em que o desespero era grande, nao é porque eu proprio tenha alguma coisa a ver com isso, mas porque sinto que a amizade que dou as pessoas, embora eu saiba que nao é reciproca, dou-a porque me faz sentir bem, e como dizia ao meu amigo e cunhado Nuno, quando me disse que se calhar até alguns dos que eu penso que sao meus amigos verdadeiros, não o são, eu repondi que, sao meus amigos, porque lhes dou a minha amizade, e não porque espero a deles, e que embora enganado, prefiro acreditar que as pessoas teem a capacidade de se corrigir, e de se melhorar, e então perceberem o que de facto é a amizade, e o que ela significa, e portanto, queira que essas pessoas no seu desespero, sintam um porto de abrigo, sintam paz e calma, sintam tranquilidade, e, sejam capazes de perceber que ao menos devem fazer aos outros o que lhe fizeram a eles, e, aproveitarem a oportunidade que lhes deram de serem melhores pessoas, e de corrigirem os seus muitos defeitos, ainda que, sejam um a um, mas, quando assim não é, la teremos de passar novamente pelos problemas, se calhar com mais intensidade, porque desperdiçamos as oportunidades, e as vezes, ainda arranjamos mais dívidas, porque se calhar, áqueles que nos deram a mão, ainda fomos ingratos, e, se calhar até denegrimos a sua imagem, e nesse caso, da proxima vez, será que vamos ter essas pessoas que abdicaram delas para nos ajudar ao nosso lado?
Enfim, eu cá por mim, ando a ver se mantenho os meus olhos bem abertos, e não desperdiço oportunidades, porque as dores são muitas, e por vontade minha, nao quero ser repetente, e quero andar para a frente o mais depressa possível, pois, nao gostaría de voltar a sofrer tudo o que tenho sofrido, e se tiver de sofrer, que seja para corrigir outras faltas que ainda nao descobri, e não aquelas que de facto ja me foram mostradas.
Nós temos a tendencia de pensar (quando estamos bem e tudo corre bem) que somos os maiores, e que nada mais nos pode acontecer, mas, eu já fui enorme, e vi os castelos que contruí a cair, e aprendi a lição que de facto, nós somos aquilo que nos deixam ser, embora com o nosso contributo para isso, mas nao seremos mais nem menos do que aquilo que merecemos ser, e as vezes, na nossa ilusão pensamos que por estarmos no pedestal, ja somos intocáveis, e embora, como diz o povo, Deus escreva direito por linhas tortas, as vezes seja necessário aproveitar a maldade e o egoísmo para fazer grandes coisas, as dívidas la ficam, e eu pela parte que me toca, fico com pena dos devedores, e so me resta pedir por eles, para que nao sofram demasiado.
Resumindo, cabe a cada um de nós aproveitar as oportunidades de nos elevar-mos moralmente, e de dar-mos passos em frente na nossa caminhada universal, e como alguém disse, hoje somos o que ja fomos, e seremos o que somos, que quer dizer, que hoje sofremos o que de mal fizemos no passado, e noutras reencarnações, e seremos no futuro e nas proximas reencarnações, o bem ou o mal que fizermos hoje para com os nossos proximos.

Já agora .... vale a pena pensar nisto

Miro....
Sempre a tentar aprender e..... a dar a minha amizade, se sabem aproveitar, melhor, se nao souberem, eu estou de consciência traquila!

5 comentários:

Darkann disse...

Admiro e identifico-me com a tua capacidade de amar...

Um abraço amigo **

AnAndrade

Anónimo disse...

Very pretty site! Keep working. thnx!
»

Anónimo disse...

Interesting website with a lot of resources and detailed explanations.
»

Anónimo disse...

Your site is on top of my favourites - Great work I like it.
»

Anónimo disse...

Hi! Just want to say what a nice site. Bye, see you soon.
»