16 setembro, 2005

PAZ

Queria eu voltar a dormir o sono dos justos, em paz com o mundo e com a natureza!
A verdinha mais nova, depois de tocar jambé e fazer as delicias de todos, adormeceu ao meu colo, e deixa-nos assim como que ... com uma ternura de arrepiar, porque ela fica nos nossos braços com uma confiança cega!
Quem me dera voltar atras e saber o que sei hoje.....
Teria mil razões para mudar muito mais o mundo!

Beijos a quem é de beijos!

2 comentários:

Ana Coelho disse...

essa é a foto que eu tirei no pé d'água com a máquina do Luís?
É tão linda a nossa verdinha ******* pa ela e para os papás!
Quanto a ti Miro aparece no blog tá!

Tecas disse...

A distância pode separar dois olhares, mas nunca dois corações...
Assim sendo o coração da nossa Verdinha nunca se irá separar do coração do nosso Maduro e esperemos também que nunca se separe do nosso. A nossa verdinha vai ser alguém muito importante para mudar o nosso mundo...

Beijocas