09 novembro, 2006

Sinais de mudança


Hoje, quando saí de casa dos meus pais de jantar, e me meti pela marginal junto ao mar, em gaia, ia ja bem perto de sitios que onde tive bons momentos, e recebi uma chamada de um numero que era de italia que nao estava a perceber. Atendi, e para meu espanto, do outro lado estava o filho de um meu antigo fornecedor, Igor Boriero a perguntar se queria ir jantar com ele, fui busca-lo ao hotel, e acompanhei-o ate um restaurante, onde apenas tomei um café com ele, e a maior surpresa é ele dizer-me entre outras coisas, que quer que eu volte a trabalhar com ele, apresentou.me varias soluções, e em ultima analise, que fosse mesmo para itália trabalhar como comercial desles. Fiquei de lagrima no olho, e fiquei feliz por ver reconhecido o meu trabalho, e ainda mais por saber que nas conversas entre comerciais das varias fabricas de maquinas que eu representava e nao só, todos sentem a falta do meu trabalho, da minha critica, da minha discussão sobre este sector. Foi gratificante, mas mais gratificante é o facto de poder ser testemunhado pelo meu amigo Luis do pedagua, que assistiu a grande parte da conversa, e que comprovou que tudo o que eu lhe tinha dito se confirmava.
Da proposta recebida, apenas poderei dizer que ainda nao aceitei a ida para italia, porque apenas acho e tenho fé, que o meu trabalho vai ser aqui, e a fazer o que terei de fazer e que me esta destinado, no entanto, se por acaso a minha intuição estiver a falhar, nesse caso, aí, resta-me mesmo por o meu italiano em ordem, e dizer arriverdecci porto, arriverdecci portugal, e partir para italia, e trabalhar com os paises latino americanos. Assim, em vez da ilha de moçambique, a apanhar cocos e a pescar, sempre posso fazer o que gosto, e que me dá imenso prazer, sem ter de receber pela europa o dinheiro que o estado portugues me apanharia, mas fazer uma empresa no brasil, so para passar recibos, e trabalhar a vontade sem estar preso a nada.
Estes sinais de mudança deram-me mais alento, e mais força para andar em frente, e felizmente, alguma coisa começa a dizer-me que as soluçoes estão a bater a porta, e só nao as desperdiçar.
Que este prenuncio seja o principio do fim.

Graças a Deus.

Miro

4 comentários:

Florbela disse...

Uau! Respira fundo e dá um sorriso. Foi gostoso abrir hoje o teu blog e ler algo tão mais "up". Bem sabes que tens estado em minhas orações e que tenho vindo aqui dia após dia...
Como tu mesmo dizes, as vezes, luzes se acendem e portas se abrem de onde menos esperamos. Hoje, mais que nunca, vou estar em oração contigo. Minha torcida e meu carinho são constantes. Um beijo doce.

Anónimo disse...

Depois de uma grande seca avista-se formação de nuvens no horizonte ...
Ouvem-se estrondos no céu...trovões e relâmpagos lá longe....
É tempo de mudança!...
Já cheira a chuva!....
Vem lá água!....
Vem aí a benção divina....o baptismo de Deus....e a colheita será abundante!...
Tudo de BOM!
Bjoca GRANDE!
>*<
carla

Ana Coelho disse...

Acho que o teu trabalho é onde estiveres. Onde meteres as mãos tudo melhorará, só não vê quem não quer ou quem não tem abertura suficiente para tal!
Portanto, o Porto fica longe mas mesmo que seja a Itália a escolhida eu farei uma escursão com os verdinhos e vamos passar lá uns dias.
tens é que arranjar tecto porque para dormir debaixo da ponte eu fico me pela 25 de Abril que é bem mais perto!
Mil beijos

Darkann disse...

Já n passava cá há uns dias mas fiquei tão feliz por saber que as coisas começam a mudar que não podia deixar de te mandar um big beijo (ainda carregado de saudades).

Deus nunca dá aos seus um fardo mais pesado do que o que eles podem carregar... E eu não duvido disso!!

Tudo de bom miro.

Ana