28 julho, 2005

Satisfação

Ontem foi um dia daqueles que tinha tudo para ser desgastante, para ser um daqueles dias de fugir, no entanto, e talvez porque tenha mantido uma actitude positiva á sáida de casa, tudo rolou muito bem.
Depois de concluir as tarefas a que me tinha proposto, fui ter com a minha berdinha do sul com o seu respectivo namorado, e, sem surpresas (o que é bom), vi que a minha querida berdinha, estava com o olhar de felicidade e alegria, que muito me apraz sentir. Depois de umas bjekas, e de boa conversa sempre afiada, la fomos para os entretantos e para os finalmentes, despedindo-nos com os beijos e abraços do costume. Fiquei feliz, muito feliz, por ver que o equilibrio da minha berdinha com o namorado e muito bom, que eles estão bem um com outro e de bem com a vida, o que faz com que só possam ter boas energias a acompanha-los.
Depois disso, foi a vez de uma outra amiga com quem fui jantar, e com quem estive na conversa até as tantas (não era para ser assim), e depois, la me vim para terras nortenhas, com a alma mais cheia, com mais alegria, porque em ambos os casos, nao me surpreendi, mas fiquei feliz por ver que as pessoas amigas estavam perfeitamente equilibradas.
O prazer que isso me pode dar, só eu sei, e a alegria de ver que as pessoas estão mais felizes que antes, mais soltas e alegres, so me faz sentir que também eu estarei um dia, em perfeito equilibrio, com a felicidade correspondente, e relactiva ao planeta onde estamos.
felicidades para todos!! e beijos a quem é de beijos!

2 comentários:

Ana Coelho disse...

Ora bem... bem podia eu ficar noites em claro à espera da porra de uma mensagens a dizer que tinhas chegado bem!Há duas noites que me deito a comentar com o Rui "Será que o Miro chegou bem ao Porto?" e que ele me responde: " Claro que chegou, as noticias más são sempre as primeiras a chegar!".
;)
Fico feliz de saber que já chegas-te e que não te armas-te em D. Sebastião e desapareces-te no nevoeiro!
Gostei muito de te ter aqui, gostava ainda mais se tivesses ficado por uma noite, mas pronto... não calhou fica para outra altura!
É verdade estou feliz com o Rui mas a minha felicidade seria completa se podesse estar perto de vós todos os que amo!
A vida não está fácil mas com o meu GAJO as coisas tornam-se mas apraziveis!
Um dia destes tens que nos aturar aí em cima e depois... estas tramado!

Ana Gabriel disse...

Gostei muito de voltar a ver-te. Tens uma energia positiva contagiante, é impossível estar mal ao pé de ti.
Admiro-te muito.
Cuida-te e muita sorte nesta caminhada que é a vida ...
Beijos ternos de amizade.