11 julho, 2006

Amanha

Havia uma musica do duo ouro negro que dizia... amanha, vou acender uma vela a muxima...

Amanha, quero iluminar minha alma
com o fogo ardente que vem do amor
amanha, terei pela certa a minha calma
e acabarei de qualquer forma com a dor

amanha, será para mim um novo dia
e ainda que o céu nao me sorria
anderei em frente sem pudor
sem magoa, em paz com o meu interior

amanha, estarei sem lagrimas de amor
a limpar meus pensamentos de tristesa
e caminhar com a certeza que o Senhor
me há-de dar uma farta mesa

amanhã, provavelmente estarei só
mas pelo menos sem um grande nó
que ataca o coração, e me deixa sofucado
amanha, vou apenas ficar calado

e assim olhar para o meu mundo
meditar la bem no fundo
o que cá ando a fazer
e qual a razão do sofrimento
que me dá tanto tormento
e me retira o prazer de viver

Amanha, acenderei uma vela
a minha alma singela
para que tenha muita luz
e peço a Deus que me ajude
e que nao me tire a virtude
e me ajude a ser feliz

Miro

2 comentários:

Florbela disse...

Que tu alcances toda a luz e paz desejadas.

acbelix disse...

Obrigado. A paz chegou!